Sexta-feira, 26 de abril de 2019 | 00:51

Editorial - 12/04/2019 | 20h43m

Animais domésticos

Quanto maior a divulgação na mídia do tema “animais domésticos”, mais grupos estão envolvidos na causa.

Em Barra Mansa (RJ), grupos usam as redes sociais para mobilizar o maior número de colaboradores possível, conseguindo em fração de segundos, pagamentos em clínicas veterinárias, alimentos, remédios e lares voluntários, fazendo a diferença também no quesito abandono, porque o número de animais nas ruas e vítimas de maus tratos tende a diminuir com a proporção gigantesca que o trabalho avança 24 horas em toda a extensão do município.

A facilidade e a gratuidade das divulgações nos meios eletrônicos chegam ao público de todas as idades, principais admiradores e apoiadores da causa.

Muitas vezes são anônimos que, sensibilizados com a situação, fazem depósitos em contas de particulares responsáveis pelos projetos com a devida prestação de contas do uso do dinheiro e dessa forma, centenas de abandonados passam a ter um endereço e uma família, um atendimento numa clínica veterinária e um cuidado especial durante o processo de higienização.

Os grupos ganham força com a adesão dos internautas e admiradores do trabalho. O município vira referência na rapidez dos atendimentos anônimos onde todos ganham, principalmente os animais indefesos, que mobilizam dezenas de profissionais em sua direção.

Parabéns aos envolvidos. Trabalho que merece aplauso, digno de todo reconhecimento possível.

Eliete Fonseca
Jornalista profissional
Registro 18.902/RJ