Quarta-feira, 1 de abril de 2020 | 06:30

Matérias - 13/12/2019 | 03h50m

Safári na escola: Aprendizagem e muita descontração

Mangaratiba
Aproximadamente 700 crianças da rede de ensino municipal tiveram a oportunidade de visitar o Safári do Hotel Portobello durante o ano de 2019. A visitação faz parte do projeto ‘Safári Escola’, realizado pelo hotel em parceria com a prefeitura que tem como objetivo promover a educação ambiental. Os alunos da Escola Praia Grande fecharam o ciclo de visitas de 2019.

Para participar do passeio, a escola deve realizar um projeto de conscientização ambiental ou preservação das espécies com seus alunos. O diretor escolar deverá enviar um ofício para o hotel com o projeto anexado e após a avaliação da direção do Portobello, será marcada a visita dos alunos. 

Segundo Alexandre Lima, responsável pela parte operacional do Safári, o projeto tem mais de 10 anos, mas há quase dois anos não funcionava. “Não havia interesse. Ano passado que retornamos os passeios com os alunos. O Hotel tem a visão da importância da visitação das crianças no Safári, tanto pelo conhecimento quanto pela oportunidade”.

A diretora da escola da Praia Grande, Valdirene de Souza, concorda com Alexandre. “A maioria das crianças são nascidas e criadas em Mangaratiba, mas não teriam a oportunidade de conhecer o safári do Portobello se não fosse essa parceria com a prefeitura e aqui eles estão tendo a oportunidade de ver o que discutimos nos projetos na escola”.

Júlia Viana de Siqueira, aluna do 3º ano, adorou a experiência. “É a primeira vez que venho e também que tenho contato com esses animais. Estou adorando o passeio e me apaixonei pelo pavão.”

O PASSEIO
O Safári se enquadra na categoria A, onde os animais se encontram em semiliberdade (sem jaulas) e possui cerca de 500 animais e mais de 30 espécies. Ele é exclusivo para os hóspedes do Hotel e ainda se paga para participar. O passeio é realizado em duas etapas. A primeira é pela área dos animais nativos, onde é realizada a pé e você poderá ver as seguintes espécies: arara vermelha, canindé, ararajuba, tucano, papagaios, anta (maior mamífero terrestre brasileiro), ema (maior ave brasileira), flamingos entre outros.

Em seguida, os visitantes vão para os veículos e passam para área de animais exóticos. Lá eles podem conferir antílopes, lhamas, dromedários, zebra, cervos, casuar (considerada a ave mais perigosa do mundo) e avestruz. O passeio tem a duração de duas horas.

Fotos: PMM