Segunda-feira, 27 de janeiro de 2020 | 17:37

Matérias - 02/01/2020 | 03h03m

Passagens elevadas ampliam ações de acessibilidade

Quatis
A instalação recente de duas passagens elevadas para pessoas com deficiência na entrada da Avenida Victor Marcondes Sampaio, no bairro Jardim Independência, e na Rua Vanderlino Teixeira Leite, próximo à Escola Municipal Henry Nestlé (São Benedito), ampliou para oito, o número destas travessias construídas pela atual administração do município. A informação foi destacada pelo prefeito Bruno de Souza (MDB), ao afirmar que em 2020 as ações voltadas a este segmento da população “continuará sendo uma prioridade”.

As duas passagens elevadas foram implantadas através de uma parceria da prefeitura com a MRS Logística, empresa concessionária da malha ferroviária que passa pela área central de Quatis. As outras travessias instaladas a partir de janeiro de 2013, quando teve início o segundo mandato de Bruno, se localizam nas seguintes vias públicas: Avenida Euclides Guimarães Cotia (foto), Rua professor Pessoa de Barros (ambas no Centro) e em logradouros próximos à Praça dos Direitos Humanos Jonas Lima Nunes, no bairro Jardim Pollastri.

- Trilhamos passos importantes visando ampliar as ações voltadas aos cidadãos com deficiência, mas estamos conscientes de que muito ainda precisa ser feito e vamos fazer. O fato é que a nossa administração vem trabalhando para garantir a igualdade de acesso desta parcela da população aos serviços públicos essenciais - declarou o prefeito, lembrando que as modificações no sistema viário da cidade, ocorridas a partir de agosto de 2017, foram feitas a partir de uma reivindicação encaminhada ao poder público pelo Conselho Municipal de Defesa da Pessoa com Deficiência.

No que diz respeito ao novo sistema viário, cuja implantação completou dois anos e quatro meses no começo de dezembro, Bruno declarou que os novos pontos de embarque e desembarque de passageiros de ônibus passaram a contar com rampas de acessibilidade. Estes novos pontos se localizam na Avenida Nossa Senhora do Rosário, Rua coronel Alfredo Dias de Oliveira e Avenida Euclides Guimarães Cotia, todas no Centro.

As ações de acessibilidade desenvolvidas pela prefeitura não se limitam ao sistema viário, mas estão se tornando uma realidade também em outros setores considerados essenciais, como, por exemplo, na frota da saúde, da educação e da assistência social que atende este segmento. Quatro veículos zero quilômetro, sendo três vans e um micro-ônibus, foram incorporados ao sistema de transporte da prefeitura visando garantir a locomoção dos cidadãos com deficiência. Só na área da saúde, a prefeitura adquiriu este ano duas vans novas com dez lugares, três deles reservados especialmente aos cidadãos cadeirantes.