Quarta-feira, 15 de julho de 2020 | 07:33

Matérias - 30/06/2020 | 08h41m

CREAS reforça participação da população no combate à violência contra o idoso

Itatiaia
No mês em que é celebrado o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa (15 de junho), a equipe do CREAS - Centro de Referência Especializado de Assistência Social reforça a importância do cuidado da família e de toda sociedade com os idosos.

De acordo o Estatuto do Idoso é compromisso de toda população a preservação da saúde física e mental, intelectual, espiritual e social ao público da terceira idade, assim como a proteção integral e prevenção de qualquer tipo de violência.

No município, o CREAS conta com o serviço PAEFI - Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos, que faz o acompanhamento de pessoas ou famílias que vivenciam situações de vulnerabilidade, ameaça ou violações de direitos. Segundo a equipe, atualmente 45% dos casos atendidos são referentes a alguma violação contra a pessoa idosa.

O CREAS lembra que violência é qualquer ação ou omissão que cause danos, sofrimento físico, psicológico ou a morte e é importante que a população fique atenta ao que caracteriza a violência na prática.

- A violência física por exemplo, é o ato de ferir ou causar lesão no idoso. O abandono é a omissão de familiares responsáveis pelo cuidado, sendo um agravante a privação de medicamentos ou descuido de higiene. O abuso financeiro é o ato de usufruir dos bens da pessoa idosa sem que ela tenha autorizado. A violência psicológica seria qualquer forma de desprezo, preconceito e discriminação, incluindo agressão verbal - explicou a Assistente Social do CREAS, Jécyka Magalhães.

Jécyka acrescenta ainda que a melhor forma de proteção é o respeito e o cuidado com os idosos e toda população necessita se empenhar na proteção deste público, inclusive denunciando casos de violências, quando acontecer .

- Sendo assim, é obrigação de toda sociedade comunicar qualquer caso de suspeita e constatação de violência contra a pessoa idosa, como o abandono, o abuso financeiro, violência física e psicológica também ou qualquer situação que coloque o idoso em risco. É importante salientar também que os canais de atendimento para denúncias, como o Disque 100, seguem em funcionamento neste período de pandemia - finalizou.

O CREAS é ligado a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos e funciona na Avenida dos Expedicionários, 539, Centro. O telefone de contato é (24) 3352-3981.

Foto: AECOM/PMI