Sexta-feira, 14 de agosto de 2020 | 16:47

Matérias - 30/07/2020 | 15h55m

Resende promove campanha contra hanseníase, câncer de cabeça e pescoço e tráfico de pessoas

Resende
O Núcleo de Educação Permanente em Saúde da prefeitura de Resende (NEPS) continua desenvolvendo atividades destinadas para preservar a saúde da população.

Neste mês de julho, uma sequência de campanhas está sendo promovida, visando conscientizar a população sobre temas que precisam de mais atenção no cotidiano. 

As campanhas consistem em mobilizar unidades básicas de saúde espalhadas pelo município, através de enfeites, cartazes e informações sobre os temas abordados.

Os assuntos em destaque são: a Hanseníase, com o “Julho Amarelo”; Câncer de cabeça e de pescoço, com o “Julho Verde”; e o tráfico de pessoas, com o “Julho Azul”. 

As atividades tiveram início na segunda-feira, 27, com a temática da Hanseníase e se encerra na quinta-feira, 30, com a mobilização sobre o tráfico de pessoas.

De acordo com a coordenadora do NEPS, Mariane de Paula Gomes, a mobilização é um passo importante para chamar a atenção da população e despertar reflexões. 

- As pessoas passam e procuram saber do que se trata, buscam mais informações. Desta forma, acabam se introduzindo nas discussões e ficando por dentro dos temas que são pouco difundidos. No caso das doenças, trazemos informações sobre a prevenção. O tráfico de pessoas, no ‘Julho Azul”, as pessoas se informam sobre esse risco e como agir caso presenciem ou tomem conhecimento sobre esta circunstância - explicou a coordenadora. 

NEPS Resende
Não só em campanhas voltadas para a população, o NEPS atua também em atividades da área da saúde, que visam atualizar e qualificar cada vez mais os profissionais da rede.

O conhecimento é transmitido, geralmente, através de palestras e eventos semelhantes, que são disponibilizados em plataformas digitais para que os profissionais possam desfrutar de casa ou nas próprias unidades.

Foto: PMR