Domingo, 27 de setembro de 2020 | 07:36

Matérias - 01/08/2020 | 08h39m

Arte na Capa de agosto comemora o Dia da Cultura Nordestina

Resende
A Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, prepara mais uma edição do projeto “Arte na Capa”, desta vez para o mês de agosto.

A mostra será em comemoração ao Dia da Cultura Nordestina, com os “Sabores Musicais do Nordeste”, de 3 a 31 de agosto, no Museu da Imagem e do Som (MIS). 

O “Arte na Capa - Sabores Musicais do Nordeste” acontecerá durante todo mês, de segunda a sexta-feira, de 12 às 18h, no MIS, na Rua Dr. Luiz da Rocha Miranda, no Centro Histórico. 

O projeto contará com 27 capas de LP’s de diversos artistas para celebrar o Dia da Cultura Nordestina. Entre os cantores lembrados pelo “Arte na Capa” estão Luiz Gonzaga, Fagner, Zé Ramalho e Alceu Valença.

A mostra é ainda uma forma de homenagear o artista Luiz Gonzaga, que faleceu em 2 de agosto de 1989. O artista é conhecido como o “Rei do Baião” e um dos principais símbolos da cultura nordestina.  

O Museu da Imagem e do Som (MIS) retornou com suas atividades, porém seguindo todas as determinações de segurança e distanciamento social para que não tenha aglomeração de pessoas.

Segundo a Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda para a entrada no MIS é obrigatório o uso de máscaras durante a visitação e também a higienização constante das mãos com álcool em gel. 

O projeto “Arte na Capa” consiste em exposições mensais e temáticas do acervo do MIS de capas de discos de vinil. A última foi em comemoração ao Dia Mundial do Rock.

Além de divulgar o acervo da instituição, o “Arte na Capa” tem como objetivo apresentar variados artistas nacionais e internacionais. 

Além disso, o projeto também busca valorizar os criadores das capas (chamados de capistas), fotógrafos, artistas gráficos e designers responsáveis pela idealização das mesmas.

Fotos: PMR