Sábado, 24 de outubro de 2020 | 15:14

Matérias - 26/09/2020 | 09h16m

Quatis atualiza cadastro para transporte dos estudantes de cursos técnico e universitário

Quatis
A Secretaria de Trabalho e Renda está realizando a atualização do cadastro dos estudantes inscritos no programa Geração do Amanhã, benefício municipal que oferece transporte para estudantes de cursos técnicos e universitários. O programa atende alunos que estudam em municípios da região.

O serviço estava paralisado desde março devido à pandemia do Covid-19 que acarretou na suspensão das aulas. Neste mês setembro, porém, o governo do estado autorizou o retorno das aulas presenciais, sendo que as atividades nas instituições de ensino técnico e universitário estão previstas para serem retomadas a partir de outubro. Com isso, o serviço de transporte dos estudantes será reiniciado.

Para que possa ter o cadastro atualizado dos usuários do benefício, a Secretaria de Trabalho e Renda solicita aos alunos que decidirem prosseguir com os estudos para que entrem em contato pelos telefones: 3353-2918 ou 3353-2979 - ramal 1011, para confirmar a permanência no programa.

- A necessidade de atualizarmos esse cadastro é devido à possiblidade de haver estudantes que desistiram de continuar os estudos nesse restante do ano e trancaram a matrícula. Como temos uma fila de pessoas aguardando uma vaga no programa, no caso de desistência de algum aluno, poderemos encaixar outro estudante - explicou o secretário de Trabalho e Renda do município, Marcos Vinícius Lima.

De acordo com o secretário, no último período de inscrição aberto antes da pandemia, foram cadastrados 315 estudantes que estão matriculados em 15 instituições situadas em cidades da região. As inscrições para o programa são abertas a cada seis meses. Porém, por causa da pandemia, uma nova abertura das inscrições ocorrerá somente em 2021, provavelmente entre janeiro e fevereiro. 

O programa
O programa Geração do Amanhã foi instituída pela Lei Municipal 1075/19 e beneficia estudantes regularmente matriculados em instituições de nível médio de caráter técnico/profissionalizante, cursos de educação profissional, nível superior, pós-graduação, mestrado e doutorado, limitando-se ao raio de até 45 (quarenta e cinco) quilômetros do município.

O programa utiliza o sistema de fretamento de ônibus e prevê a concessão de vale transporte para estudantes cujo horário não for compatível com o estabelecido pelo fretamento.