Domingo, 11 de abril de 2021 | 11:56

Matérias - 02/03/2021 | 09h58m

Volta Redonda monta força-tarefa para buscar recursos e amenizar crise financeira

Volta Redonda
A prefeitura montou uma força-tarefa para buscar recursos e amenizar a crise financeira que assola a administração municipal. A estratégia para a captação de verba foi mobilizar uma equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET) para fazer um levantamento sobre as demandas necessárias de cada setor (Saúde, Esporte, Habitação, Infraestrutura, Mobilidade Urbana e Ação Comunitária) e enviar pedidos de emendas parlamentares a deputados e senadores. O trabalho teve à frente o prefeito Antonio Francisco Neto.

O governo solicitou a liberação de R$ 34.389.170,00 de recursos junto a parlamentares. Ao todo, o pacote conta com pedidos a 46 deputados e dois senadores. Entre as demandas, estão a aquisição de materiais e medicamentos para os hospitais São João Batista (HSJB) e Munir Rafful (Hospital do Retiro), entre eles equipamentos de saúde de alta e média complexidade, incluindo também o Centro de Saúde Municipal e a Policlínica da Cidadania; reforma do ambulatório de Saúde Mental e da Coordenação de Saúde Mental; reforma e aquisição de equipamentos da Central de Esterilização do HSJB; ampliação da rede municipal de fibra óptica e a construção de muros de contenção de encostas em áreas de risco.

“Este foi um primeiro passo que demos, mas ainda tem um longo percurso para que todas essas emendas cheguem aos cofres municipais. Foi um trabalho muito bem feito e por isso acredito que teremos bons projetos saindo do papel nos próximos anos. Esse recurso será sempre muito importante, mais ainda diante das dificuldades financeiras que estamos passando. Com a obtenção de recursos extras, podemos focar nossa arrecadação em quitar os salários dos servidores, por exemplo”, destacou o prefeito.